O declínio da função paterna nas redes sociais: uma leitura semiótico-psicanalítica

Autora: Maria do Carmo Cardoso Sampaio
Este livro se constitui no estudo sobre os sinais e sintomas relativos à função paterna nas sociedades contemporâneas. Para isso, parti da hipótese de que essa função apresenta-se em estágio de flagrante declínio que se manifesta em muitos meios de entretenimento. Por permitir o acesso direto ao que as pessoas pensam e sentem, o meio de aferição escolhido de como se dá esse declínio foi o Facebook, com o objetivo de rastrear as páginas temáticas em busca de dados empíricos que sustentassem a hipótese mencionada. Os fundamentos teóricos da pesquisa foram buscados na psicanálise freudiana e lacaniana já que a função simbólica, no que diz respeito à existência contingente do pai real, determina uma das bases mais fundamentais da clínica psicanalítica. A análise levanta algumas categorias de convergência dos enunciados tais como o amor e a religião e essas convergências revelam que a rede social Facebook é também um fenômeno cultural criado para driblar o mal-estar na civilização e simular a convalescença do pai enfraquecido libidinalmente.

eBook gratuito disponível nas plataformas

Venda e distribuição nacional de livros impressos